Blog

Fundamental II
Compartilhar:

9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”

Na última terça-feira (07/08), alunos do 9º ano do Colégio Universitário participaram de um aulão, no auditório da escola, com o tema “Bomba Atômica”. A atividade foi multidisciplinar e contou com a participação dos professores Paulo Inada, Kazuko, Jane, Matheus, Leandro, Marx, Diego, André e Massao. Também estiveram presentes, a coordenadora Alessandra Leite e a diretora Educacional Raquel Calil Ruy. 

Para abrir o aulão, a professora Kazuko preparou uma apresentação musical juntamente com a professora Adriana, com a presença de algumas alunas do Fundamental (Anos Iniciais) e da aluna da 2ª série do Ensino Médio Beatriz Oba. O grupo cantou “Olhando para o céu” do Trio Esperança. Beatriz cantou trechos da música em japonês.

“Vocês aprenderão um pouco mais desse assunto, bomba atômica, sob diferentes olhares: história, biologia, química, entre outras disciplinas”, disse a professora Jane no início do aulão.  

Para relembrar, há 73 anos, o mundo assistiu a um dos maiores atentados da história. Em 6 de agosto de 1945, um Boeing B-29, denominado Enola Gay, lançou uma bomba atômica sobre a cidade de Hiroshima, no Japão, em missão arquitetada pelo governo dos Estados Unidos. Sob o comando de Paul Tibbetts, o ataque tinha o objetivo de forçar o Japão a se render e, com isso, por fim à Segunda Guerra Mundial. O nome Enola Gay foi uma homenagem à mãe do piloto, Enola Gay Tibbets.

Às 8h15min, horário local, a bomba Little Boy (“menininho”, em tradução livre) foi lançada em direção à Hiroshima. Ela explodiu a cerca de 500 metros do chão e causou a morte de mais de 140 mil pessoas. Quando viu o tamanho da tragédia, na forma de uma nuvem gigantesca de fumaça e poeira, o copiloto Robert Lewis escreveu no diário de bordo: “Deus, o que fizemos?"

A rendição japonesa não veio. Dois dias depois, no dia 8 de agosto, uma bomba ainda mais poderosa, chamada Fat Boy (“menino gordo”, também em tradução livre), foi lançada sobre outra cidade, Nagasaki. Dessa vez, cerca de 70 mil pessoas morreram.

Em menos de uma semana, no dia 15 de agosto de 1945, o Japão se rendeu ao terror, pondo fim ao conflito mundial.

O aulão no Colégio Universitário foi muito produtivo e trouxe bastante conhecimento para os estudantes do 9º ano. As fotos mostram mais: 

 

Clique na imagem para ampliar 9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”9º ano participou de aulão sobre “Bomba Atômica”