Blog

Ensino Médio
Compartilhar:

Ensino Médio preparou homenagem especial para os pais

Neste ano, os pais do Ensino Médio do Colégio Universitário tiveram uma surpresa especial, por conta do dia deles. Eles receberam de seus filhos, cartas, nas quais os adolescentes falaram tudo o que sentem em relação à figura paterna, em suas famílias. Os textos emocionaram os autores e os personagens principais.

 

A ideia da bela homenagem surgiu da coordenadora Rosa Maria Cardoso e de um vídeo da internet, indicado pela professora Flávia. A gravação mostra pessoas, que possuem pais falecidos, sendo entrevistadas e se emocionando, ao lembrarem coisas simples que poderiam ter realizado mais vezes com os pais.

Com essas possibilidades registradas em papel, outras pessoas passaram a ser abordadas: filhos, que ainda têm os pais vivos. Esse grupo teve o privilégio muito grande de poder realizar os desejos daqueles que não possuem os pais presentes. O vídeo é muito emocionante.

 

Além de acompanharem o material multimídia fornecido pela coordenação, os alunos escutaram relatos de alguns professores, que lideraram o projeto diretamente com as turmas. Na 1ª série, Vagner (Empreendedorismo) e Vera (Artes) foram os responsáveis; na 2ª série, o comando ficou com a professora Luci (Gramática); e, no Terceirão, a docente Flávia (Produção Textual) foi quem atuou diretamente com os estudantes no projeto.

 

“Eu falei um pouco da minha experiência de vida. Destaquei às turmas, que ainda tenho pai, mas que quase o perdi. A partir disso, não deixei mais as oportunidades passarem, para aproveitar o meu tempo com ele”, destacou o professor Vagner.

 

A partir do vídeo, do relato dos docentes e também lembrando do cotidiano corrido, que dificulta o aprofundamento de relações familiares, os alunos foram convidados a escreverem ou desenharem algo que realmente sentissem em relação aos pais.

 

Alguns estudantes deixaram claro que possuem ótimas relações com os respectivos pais, enquanto outros demonstraram dificuldades em expor os sentimentos, por não possuírem uma relação tão próxima.

 

O resultado da atividade foi impressionante e a reflexão bem profunda.